quinta-feira, 28 de julho de 2016

Missão Cumprida

Turma CECI-2015 - Convento Santo Antônio - Recife PE - nov/2015


Foram 10 meses de aulas virtuais; 01 mês de curso presencial em Olinda - PE; 01 semana de Viagem de Estudos pelas cidades históricas do NE brasileiro e 06 meses para desenvolvimento do Manual Prático, planilhas, composições de preços e Plano de Gestão.

Para essa turma de futuros gestores, que eu também fiz parte, seguem algumas frases do nosso tão conhecido Eugène Emmanuel Viollet-le-Duc (1814-1879) que, de todos os teóricos, foi um dos poucos que teve um olhar de GESTOR em obras de restauração.


" É portanto, essencial, antes de qualquer trabalho de reparação, constatar exatamente a idade e o caráter de cada parte, compor uma espécie de relatório respaldado por documentos seguros, seja por notas escritas, seja por levantamentos gráficos."

"Antes de mais nada, antes de ser arqueólogo, o arquiteto encarregado de uma restauração deve ser um construtor hábil e experimentado, não somente do ponto de vista geral, mas do ponto de vista particular; isto é, deve conhecer os procedimentos de construção admitidos nas diferentes épocas de nossa arte e nas diversas escolas."

"Se o arquiteto encarregado da restauração de um edifício deve conhecer as formas, os estilos pertencentes a esse edifício e à escola da qual proveio, deve ainda mais, se for possível, conhecer sua estrutura, sua anatomia, seu temperamento, pois antes de tudo é necessário que ele o faça viver. É necessário que tenha penetrado em todas as partes dessa estrutura, como se ele mesmo a tivesse dirigido, e adquirido esse conhecimento, deve ter à sua disposição vários meios para empreender um trabalho de recuperação. Se um desses meios vier a falhar, um segundo, um terceiro, devem estar totalmente prontos."

"O arquiteto, nesses casos difíceis que se apresentam com freqüência durante as restaurações, deve ter previsto tudo, até os efeitos mais inesperados, e deve ter de reserva, sem pressa e sem inquietação, os meios de prevenir as consequências desastrosas."

"Nossos operários, por serem inteligentes, reconhecem apenas a força da inteligência. Tanto são negligenciados e indiferentes em um canteiro em que o salário é a única recompensa e a disciplina o único meio de ação, quanto são ativos, cuidadosos, quando percebem uma direção metódica, segura em seu andamento, quando se tem o trabalho de lhes explicar a vantagem ou o inconveniente de tal método."

Viollet-le-Duc - grifo meu


Basílica da Penha - Recife PE - nov/2015
Oficina de Metais - Olinda PE - nov/2015
Oficina de ladrilho hidráulico - Olinda PE - nov/2015
Praça São Francisco - São Cristovão SE - nov/2015
Igreja de Nossa Senhora das Correntes - Penedo AL - nov/2015
Igreja São Domingos Gusmão - Salvador BA - dez/2015
Catedral Basílica de Salvador BA - dez/2015
* imagens: Turma do CECI 2015

Postado por Cristiane Py

Nenhum comentário:

Postar um comentário